Carregando...

terça-feira, 20 de setembro de 2016

Lógica Matemática: Prof. Joselias
Raciocínio Lógico: Prof. Ângelo
Windows/Internet: Prof. Roseli
Office: Prof. Rodney Idankas

Nosso horário de atendimento é de segunda à sexta 
das 14h às 22h e aos sábados das 10h às 17h  pelo telefone 
(11)3826-9896 / (11)96525-0423(whats)
ou pessoalmente na R. Martim Francisco, 604 
(entre o metrô Sta. Cecília e o Shopping Higienópolis)

segunda-feira, 1 de agosto de 2016

Turma sábados: início dia 24 de SETEMBRO de 2016 Turma noturna: início dia 25 de OUTUBRO de 2016

(clique para ampliar)
Turma sábados: dia 24/SETEMBRO
 Turma noturna: dia 25/OUTUBRO
Reiniciando a preparação para os futuros concursos da Polícia Civil com um curso com a quantidade suficiente de aulas, muita matéria teórica, anotações no caderno, aulas das disciplinas cobradas em todos os concursos da Polícia Civil (agentes, investigador, papiloscopista, escrivão, etc.) e seguindo o conteúdo obrigatório para todas as carreiras policiais (Português, Criminologia, Informática, Lógica, Direitos Humanos, Constitucional, Penal, Processo Penal e Legislação Especial). O Curso Master tem como objetivo conhecer sem pressa e com detalhes os temas de maior incidência nas provas de concursos.
Nosso horário de atendimento é de segunda à sexta 
das 14h às 22h e aos sábados das 10h às 17h  pelo telefone 
(11)3826-9896 / (11)96525-0423(whats)
ou pessoalmente na R. Martim Francisco, 604 
(entre o metrô Sta. Cecília e o Shopping Higienópolis)
(clique em "mais opções" para traçar a sua rota até o curso)

terça-feira, 13 de outubro de 2015

CURSO PERITO CRIMINAL - MÓDULO ESPECÍFICO

(clique para ampliar)

CURSO PERITO CRIMINAL - MÓDULO ESPECÍFICO - PRÓXIMA TURMA DIA 18/SETEMBRO

Iniciando nova turma para o Módulo para o Concurso de Perito Criminal das matérias específicas (Física, Química, Biologia, Matemática, Medicina Legal, Criminalística e Contabilidade)  no dia 18/setembro. Lembrando que já oferecemos regularmente, durante a semana à noite e aos sábados, o Módulo das matérias comuns sob o nome de Curso Master (Português, Informática, Lógica, Criminologia e Noções de Direito).

O concurso já tem suas vagas pedidas ao governador e em breve deve ser autorizado por este. Por se tratar de um concurso com poucas vagas e vasta quantidade de matérias, o interessado deve, o quanto antes, começar sua preparação em pelo menos um dos módulos oferecidos (comum ou específico). Pois, após a publicação do edital, fica inviável oferecermos todo o conteúdo, de maneira satisfatória, até a prova. Com isso, afim de desafogar o investimento, o aluno poderá optar em se matricular em apenas um dos módulos e deixar para fazer o outro módulo após a autorização do concurso. O custo do investimento nos dois módulos gira na faixa de $3 mil ($1 mil no geral e $2 mil no específico).

Para prestar o concurso de Perito Criminal, segundo o último edital, deve-se possuir diploma de graduação um dos seguintes cursos de Bacharelado: Análise de Sistemas, Arquitetura e Urbanismo, Biologia, Biomedicina, Biotecnologia, Ciências da Computação, Ciências Físicas e Biomoleculares, Ciências Moleculares, Contabilidade, Direito, Enfermagem, Engenharia, Estatística, Farmácia, Farmácia e Bioquímica, Física, Fonoaudiologia, Geografia, Geologia, Informática, Matemática, Medicina, Medicina Veterinária, Museologia, Nutrição, Odontologia, Química, Sistemas de Informação e Tecnologia da Informação.

- Horário: Domingos das 9h às 18h (com 1h para almoço)
- Duração: 6 meses em média
- Valores: cheque ou cartão
  6 X $350 ou 4 X $500 ou à vista $1900 + taxa de mat. a seguir:
  *alunos novos: $200
  *alunos indicados: $150
  *ex-alunos: isentos
- Professores: especializados e da Acadepol
- Incluso: material completo com fichário, teoria impressa, resumo de profs., questões de provas e simulado com desempenho comparado.

Nosso horário de atendimento é de segunda à sexta 
das 14h às 22h e aos sábados das 10h às 17h  pelo telefone 
(11)3826-9896 / (11)96525-0423(whats)
ou pessoalmente na R. Martim Francisco, 604 
(entre o metrô Sta. Cecília e o Shopping Higienópolis)

segunda-feira, 14 de setembro de 2015

Governo NÃO PARA contratações para Polícia Civil e orçamento já prevê novos concursos

O Governo de São Paulo NÃO PAROU as contratações da Polícia Civil e nomeou, agora em setembro, mais 47 Agentes Policiais remanescentes do concurso de 2012, para cerimônia de POSSE que realizada dia 15/09/2015 às 10h, na Divisão de Administração de Pessoal do DAP, 13º andar, localizada à Rua Brigadeiro Tobias, 527 - Luz - São Paulo/Capital.

Parabéns aos novos Policiais Civis!!! Veja a lista dos nomeados clicando aqui.

Projeto entregue na Alesp no último dia 1º de outubro reserva verbas para contratações. Órgão possui pedido de 3.176 vagas, em diversos cargos, de níveis médio e superior. Até R$ 10 mil

Fernando Cezar Alves - Jornal dos Concursos - Publicado em 02/10/2015

           Boa notícia para quem pretende ingressar no quadro de servidores da Polícia Civil de São Paulo (PC/SP). Acontece que o projeto de lei orçamentário de 2016 (PL 1298/2015), entregue no último dia 1º de outubro na Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo (Alesp), destina um total de R$ 30,5 milhões para o órgão, especificamente para “realização de concursos públicos pela Academia de Polícia para as diversas carreiras policiais, bem como de cursos de formação e aperfeiçoamento dos policiais integrantes da Polícia Civil”. A proposta determina um total de 8.200 servidores, incluindo nomeação de aprovados em concursos já iniciados e realização de novos certames.
           Desta forma, mesmo com o processo de contenção de gastos pelo qual o Governo de São Paulo vem passando, em decorrência da queda da arrecadação, o que vem restringindo a autorização de novos concursos por parte do governador Geraldo Alckmin, a expectativa é de que as seleções para o órgão sejam priorizadas.
           Embora o decreto 61.466, divulgado pelo governador em 3 de setembro, restrinja a contratação de servidores e a abertura de seleções, ele ressalta que estes ainda poderão ocorrer, desde que previamente autorizados pelo Governo, em decorrência de efetiva necessidade.
           Atualmente, a corporação está em fase final de uma série de concursos iniciados em 2013. De acordo com o delegado divisionário de concursos da Academia de Polícia (Acadepol), Pedro Tonelli Neto, todos os certames deverão ser concluídos ainda em outubro.
           Além disso, em entrevista recente à imprensa, o próprio secretário de segurança pública de São Paulo, Alexandre de Moraes, ressaltou que o governo vem investindo no aumento do efetivo policial no estado.
           O pedido encaminhado ao governo, desde o final de 2014, é de 3.176 vagas, sendo 851 para cargos com exigência de ensino médio e 2.325 para nível superior, com remunerações iniciais de R$ 3.365 a R$ 10.079,28, com jornadas de 40 horas semanais.

Ensino Médio
           As oportunidades de ensino médio são para os cargos de agente policial (249 vagas), atendente de necrotério (54), auxiliar de papiloscopista (136), papiloscopista policial (72), agente de telecomunicações (252), auxiliar de necropsia (36), desenhista técnico pericial (11) e fotógrafo técnico pericial (41).
           Para os cargos de agente policial, atendente de necrotério e auxiliar de papiloscopista, o inicial é de R$ 3.365, já considerando R$ 571,51 de adicional de insalubridade. Já nos casos de papiloscopista, agente de telecomunicações, auxiliar de necropsia, desenhista técnico e fotógrafo, o inicial é de R$ 4.023,29, já com o complemento.
           A diferença salarial se refere à lei complementar 1.249, sancionada pelo governador Geraldo Alckmin em 3 de julho de 2014, que altera de ensino fundamental para médio a exigência para os cargos de agente, atendente de necrotério e auxiliar de papiloscopista, sem compatível alteração salarial.

Nível Superior
           Para nível superior, o pedido é para os cargos de escrivão de polícia (922), investigador de polícia (985), médico legista (68), perito criminal (129) e delegado de polícia (221). Os iniciais são de R$ 4.171,49 para investigador e escrivão, R$ 8.538,49 para legista e perito e R$ 10.079,28 para delegado, já com o adicional.    
           De acordo com dados da Secretaria de Segurança Pública, deverão ser nomeados, nos próximos meses, 3.040 servidores, somente para os cargos de delegado (120), escrivão (780) e investigador (2.140), aprovados no último concurso, o que reforça a intenção do governo em manter investimentos na área de segurança, mesmo durante a crise econômica pela qual o governo vem passando.
video

segunda-feira, 1 de junho de 2015

Parabéns aos Remanescentes Nomeados de AGEPOL e ESCRIVÃO 2012!!!

No dia 11 de junho de 2015, o governador Geraldo Alckmin cumpriu sua promessa e nomeou 239 Agentes Policiais e 153 Escrivães de Polícia remanescentes de Concursos Públicos de 2012.

A publicação saiu no DOE Executivo II do dia 12/06/15 na parte dos Atos do Governador. Nela aparece o nome do candidato nomeado no lugar de quem cedeu a vaga, seja por promoção, aposentadoria, exoneração, etc. Veja essa relação dos nomeados clicando aqui.

quarta-feira, 6 de maio de 2015

Delegado Geral confirma muitas contratações para Polícia Civil

Entrevista concedida ao repórter Igor Regis para o jornal Folha Dirigida publicado na edição de 11 de abril de 2015. Leia a íntegra da entrevista no site da Folha Dirigida, neste link.

FOLHA DIRIGIDA: Alguns concursos não contam mais com remanescentes, como é o caso de agente de telecomunicações e outros já estão encerrando a validade. Para estes casos é possível que sejam realizadas novas seleções ainda este ano?
Youssef Abou Chahin: O agente de telecomunicações é um que nós não temos de onde tirar aprovados. A última leva foi em janeiro do ano passado. Já existe a proposta de concurso que foi encaminhada a Secretaria de Segurança, mas dependemos obviamente da autorização do governo. Eu vejo a recessão como algo para este primeiro semestre, que é início de governo. Tenho certeza de que o governo está segurando para fazer uma avaliação do que pode acontecer até o meio do ano, e do meio do ano ele vai começar a soltar devagarzinho as coisas, o que ele não quer é comprometer o orçamento no primeiro semestre e não cumprir no segundo.

FOLHA DIRIGIDA: Para agente policial já foram preenchidas todas as vagas iniciais e o concurso ainda conta com remanescentes. A Polícia Civil deve convocar mais aprovados neste concurso?
Youssef Abou Chahin: Não, tendo em vista que mudou a escolaridade deste cargo. A ideia neste caso é um novo concurso. Não estou fechando as portas, mas o que está acontecendo, os trâmites são para que a gente faça um novo concurso.

FOLHA DIRIGIDA: Então para estes dois cargos a intenção é realizar concursos este ano?
Youssef Abou Chahin: Nós estamos tentando concurso esse ano. Nestes casos não há impacto orçamentário porque seria reposição. Na verdade o cargo já existe e você não está criando, então, a destinação para o pagamento desses cargos tem que existir ano a ano. Você não está criando a vaga, criando novos cargos, eles já existem e só estão defasados, as pessoas aposentaram, saíram por qualquer outro motivo da carreira, então a ideia é preencher os cargos.

FOLHA DIRIGIDA: Haverá alterações no formato das seleções e nos conteúdos programáticos para os próximos concursos?
Youssef Abou Chahin: Não, acho que a fórmula é boa e está funcionando. A única alteração está na nova legislação, aprovada no ano passado, que prevê a volta do exame oral para as carreiras de nível superior. Na legislação anterior tinham suprimido, mas acho importante e pros próximos editais já vai entrar. Para cargos de níveis médios não haverá mudanças.

FOLHA DIRIGIDA: A Polícia Civil pretende continuar contratando uma organizadora para realizar a inscrição e as primeiras fases dos concursos?
Youssef Abou Chahin: Sim, sem dúvida. É uma formula que funcionou porque aliviou a academia. O número de candidatos hoje que se inscrevem nos concursos aumentou muito, no passado a Academia tinha condições de fazer. Eu fui diretor divisionário de concurso público na Acadepol. Eu que elaborava os concursos e funcionava, mas agora a demanda aumentou muito e necessita de uma estrutura maior. A partir da segunda fase não, aí é tranquilo e a Academia assume.

FOLHA DIRIGIDA: Qual avaliação o senhor faz da Fundação Vunesp? Ela deve ser mantida para os próximos concursos?
Youssef Abou Chahin: Muito boa, não nos deu nenhum problema. Não houve nenhuma incidência de irregularidades. Não sei dizer se com esse último concurso o contrato terminou ou não. Isso deve ser avaliado pela Acadepol.

sexta-feira, 6 de março de 2015

Documentos / Certidões - Aprovados Polícia Civil 2014

Seguem os links para quem já quiser providenciar os documentos da IS pedidos para os aprovados na PAF de INVESTIGADOR DE POLÍCIA 2013, lembrando que somente serão aceitas certidões expedidas, no máximo, nos 60 (sessenta) dias anteriores à data de entrega e dentro do prazo de validade específico constante do documento.

CONVOCA os (as) candidatos(as) aprovados na prova de aptidão física, para o cumprimento da etapa de COMPROVAÇÃO DE IDONEIDADE E CONDUTA ESCORREITA MEDIANTE INVESTIGAÇÃO SOCIAL, conforme item VIII.5 do Edital de Abertura, pessoalmente, na Secretaria de Concursos Públicos da Academia de Polícia, situada na Praça Professor Reynaldo Porchat, 219, Cidade Universitária, CEP 05508-100, São Paulo, ala “I”, sala “7- I”, somente nos dias 01 , 02 , 03 , 08 , 09 , 10, 11, 12, 15 e 16 de junho de 2015, das 09 às 16 horas, para entregarem os documentos originais elencados abaixo, indispensáveis ao prosseguimento no certame:

1.1. Certidões de antecedentes criminais expedidas pela(s) comarca(s) na(s) qual(is) o candidato tenha residido nos últimos 5 (cinco) anos:
1.1.1. Secretaria de Segurança Pública ou órgão equivalente;
1.1.2. Justiça Estadual ou do Distrito Federal ou pessoalmente:
. . . Fórum Barra Funda ou João Mendes (Capital)
. . . Fórum Cível ou Vara Única da comarca (Interior)
1.1.3. Justiça Militar Estadual (inclusive para o sexo feminino);

1.2. Certidões de antecedentes criminais dos seguintes órgãos federais, compreendendo os últimos 5 (cinco) anos:
1.2.1. Justiça Federal;
1.2.2. Justiça Eleitoral;
1.2.3. Justiça Militar Federal (inclusive candidatos do sexo feminino);

1.3. Certidões de todos os cartórios, onde houver mais de um, das comarcas nas quais o candidato residiu nos últimos 5 (cinco) anos:
1.3.1. distribuição de ações cíveis ou pessoalmente:
. . . Fórum João Mendes Junior (Capital)
. . . Fórum Cível ou Vara Única da comarca (Interior)
1.3.2. cartório de protestos de títulos. (consulta);

1.4. Certidão de antecedentes funcionais expedida pelo respectivo órgão correcional ou disciplinar, no caso de candidato que no momento da apresentação dos documentos esteja ou tenha ocupado cargo ou função pública, a qualquer título, nos últimos 5 (cinco) anos anteriores à data da convocação para a apresentação dos documentos aqui exigidos.

1.5. Certidão que comprove o exercício da função de jurado, caso o candidato a tenha exercido no período entre a data da publicação da Lei nº 11.689/08 e a data do término do período das inscrições.

NA MESMA OPORTUNIDADE, os candidatos aprovados na prova de aptidão física deverão entregar os documentos elencados no item 3, do capítulo VIII.6 – DA PROVA DE TÍTULOS, do Edital de Abertura.
1. Os títulos deverão ser apresentados no seu original para conferência, devendo o
candidato entregar cópia simples dos mesmos para aferição da pontuação.

quarta-feira, 24 de setembro de 2014

Aprovados Prova Escrita Investigador 2013/2014

E a Acadepol vai ficando cada vez mais perto...
Parabéns a todos os aprovados nessa fase subjetiva e principalmente aos  

513 alunos do GOE aprovados 
na Escrita de Investigador!!!

Lista dos Aprovados na Prova Escrita de Investigador (excel)

Para os candidatos que foram reprovados na Prova Escrita, resta agora pedir a vista de prova na Acadepol até o dia 26/setembro e impetrar o respectivo recurso neste prazo.

segunda-feira, 18 de agosto de 2014

Prova Escrita Aplicada e Descartadas de Investigador 2013/2014

PROVA ESCRITA APLICADA – 17/08/2014 - VERSÃO 3

QUESTÃO 1 – (0 a 20 pontos)
Conjugue o verbo abolir no presente do indicativo.
Prof. Farid: CABE RECURSO!!! Provável resposta esperada pela banca da Acadepol:
Tu ABOLES
Ele ABOLE
Nós ABOLIMOS
Vós ABOLIS
Eles ABOLEM
Porém, existem posições diversas de vários gramáticos sobre este verbo defectivo. Alguns o conjugam no presente do indicativo apenas na primeira e segunda pessoas do plural (nós e vós), assim como outros aceitam todas as pessoas, inclusive a primeira pessoa do singular (eu). E, por último, outros não fazem menção ao emprego do verbo ABOLIR, sinalizando, certamente, que se trata de assunto controverso ou irrelevante, dadas as várias possibilidades de emprego abonadas por seus pares e que, por isso, NEM SEMPRE OS GRAMÁTICOS CHEGAM A UM CONSENSO EM RELAÇÃO AO DESUSO DE CERTAS FORMAS VERBAIS POR MOTIVO DE EUFONIA.
         É preciso partir do princípio de que a banca do Concurso para Investigador 2014 não determinou uma bibliografia definitiva. Este gesto, por um lado, mostra-se bastante democrático, permitindo ao candidato que estude com os recursos aos quais ele tem acesso sem grandes dificuldades ou que exijam dele um custo ou gasto que possa comprometer os estudos com vistas ao concurso.
Por outro lado, a não observância de uma determinada bibliografia abre espaço para qualquer tipo de consulta, sempre recomendando o BOM SENSO e a NORMA CULTA DA LÍNGUA reconhecida pelas fontes bibliográficas buscadas pelo candidato, o que deve levar a banca a aceitar as várias respostas que tais fontes possam apresentar.

QUESTÃO 2 – (0 a 20 pontos)
Em quais situações a Lei de Improbidade Administrativa impõe a indisponibilidade dos bens do indiciado? A medida recairá sobre a totalidade dos bens?
Prof. Tiago Salvador: Consoante dispõe o artigo 7° da Lei n° 8.429, de 02 de junho de 1992 (Lei de Improbidade Administrativa), caberá à autoridade administrativa responsável pelo inquérito representar ao Ministério Público para a indisponibilidade dos bens do indiciado quando o ato de improbidade causar lesão ao patrimônio público ou ensejar enriquecimento ilícito. Trata-se de medida cautelar que visa assegurar o resultado prático de eventuais sanções de ressarcimento ao erário do dano causado ao patrimônio público ou de perda de bens ou valores acrescidos ilicitamente ao patrimônio do indiciado. Assim, nos termos do parágrafo único do mesmo artigo, a indisponibilidade não recairá sobre a totalidade dos bens, mas somente sobre aqueles que assegurem o integral ressarcimento do dano ou sobre o acréscimo patrimonial resultante do enriquecimento ilícito. Por fim, há de se registrar que o sucessor daquele que causar lesão ao patrimônio público ou se enriquecer ilicitamente está sujeito às cominações da lei até o limite do valor da herança (artigo 8º).

QUESTÃO 3 – (0 a 20 pontos)
O que é um crime instantâneo de efeitos permanentes?
Prof. Victor Paulo: Quanto a sua consumação o crime poderá ser classificado com crime instantâneo ou crime permanente. O crime instantâneo é aquele em que o resultado se dá de maneira imediata (num só instante), cuja consumação não se prolonga (não há continuidade) no tempo. (Ex.: art. 331, CP – quando há o aviltamento contra autoridade ou o Art. 213, CP – no instante em que é praticada a conjunção carnal/ ato libidinoso). O crime permanente é aquele cujo momento consumativo se protrai (prolonga) no tempo, sendo o bem jurídico continuamente afetado por vontade do agente. Ex.: art. 148, CP – enquanto a vítima estiver segregada em sua liberdade pelo sequestrador estará ocorrendo o crime. Já o crime instantâneo de efeitos permanentes é um crime cuja consumação tem momento certo de ocorrer (instantâneo) e seus efeitos não controláveis pela vontade do agente, sendo irreprestináveis/irrestauráveis (de efeitos permanentes). São exemplos dessa espécie: homicídio (art. 121, CP), estelionato contra previdência (art. 171 § 3º, CP) etc. A questão também poderia ser respondida de forma mais concisa, objetiva e do mesmo modo correta, da seguinte forma: O crime instantâneo de efeitos (resultados) permanentes é aquele em que a consumação se dá em determinado instante cujos efeitos da conduta do agente são irreversíveis, perpetuando-se no tempo. Ex.: dano (art. 163), bigamia (art. 235), peculato-desvio praticado por servidora contra o INSS (art. 312), descaminho (art. 334), contrabando (art. 334-A), art. 48 da Lei nº 9.605/98 etc. Falamos exatamente isso ao passarmos pelos assuntos “classificação de crimes” e “homicídio” e as duas formas de defini-lo foram ditas em sala de aula e estruturadas na lousa para os alunos.

QUESTÃO 4 – (0 a 20 pontos)
Ao defender a ideia do delito como não sendo produto exclusivo de nenhuma patologia individual, quais fatores Enrico Ferri apontava como contribuintes para a criminalidade?
Prof. Mônica Gamboa: Considerado pai da Sociologia Criminal, Enrico Ferri, trouxe o determinismo sociológico para a criminologia em contraposição ao determinismo biológico lombrosiano. Para o advogado italiano, a criminalidade nata não era a única causa ensejadora do comportamento criminoso mas sim, uma delas. Para ele, a principal causa do desvio de conduta deriva de condicionantes mesológicas haja vista a forte influência que o meio ambiente exerce sobre o comportamento humano, classificando o crime como um evento multifatorial enaltecendo as causas físicas, psicológicas e sociais que circundam a conduta criminosa como as estações do ano, os desvios comportamentais e a saturação criminal, respectivamente.
Palavras chaves da resposta: Determinismo sociológico / fator  mesológico (social) / influência do meio ambiente no comportamento criminoso / Sociologia Criminal / Positivismo sociológico / Evento multifatorial / Saturação criminal / Causas físicas, psicológicas e sociais.

QUESTÃO 5 – (0 a 20 pontos)
Em conformidade com a tipologia vitimológica de Binyamin Mendelson, explique no que consiste o ofendido classificado como “vítima unicamente culpada”.
Prof. Mônica Gamboa: Na classificação proposta pela vitimodogmática, vítima unicamente culpada é aquela responsável pelo crime sendo vítima de sua própria ação. São exemplos a vítima de autolesão (roleta russa) ou vítima fatal em ação de legítima defesa onde o autor do fato tem excluída a ilicitude de sua conduta em virtude da injusta agressão sofrida.
Palavras chaves da resposta: Autolesão / Legítima defesa / Vitimodogmática / O exemplo poderia ser variado como vítima de autoaborto, suicídio de variadas formas, troca de tiro com a polícia, lesão corporal com resultado morte etc.

PROVA DESCARTADA Nº 1

QUESTÃO 1
Reescreva as frases abaixo corrigindo os erros de concordância verbal:
a) Quantos dias falta para você voltar?
b) Cada um dos candidatos queriam ser premiados?

QUESTÃO 2
Qual o crime pratica funcionário público que tem o dever de agir e se omite quando presencia alguém ser constrangido com emprego de violência ou grave ameaça causando-lhe sofrimento físico ou mental em razão de discriminação racial ou religiosa?

QUESTÃO 3
Mesmo que em um crime não tenha havido a presença de qualquer testemunha, poderá o autor ser preso em flagrante? Em caso positivo, deverá haver algum procedimento especial na lavratura do auto de prisão em flagrante?

QUESTÃO 4
Indique os elementos preponderantes na identificação de uma personalidade psicopática.

QUESTÃO 5
Identifique e explique a abordagem da sociologia criminal que centra a atenção nas relações de produção das estruturas econômicas capitalistas como fatores preponderantes na criminogênese.


PROVA DESCARTADA Nº 2

QUESTÃO 1
Escreva do lado de cada frase a figura de linguagem utilizada:
a) Josualdo chorou de rir quando se viu no espelho.
b) Ontem comi tanto que quase explodi.
c) Reflito e choro pelas vítimas da aeronave que caiu em Santos.
d) Ele é uma fera.

QUESTÃO 2
Qual crime pratica aquele que já estava imbuído do dolo de se apropriar de coisa alheia, antes mesmo de convencer a vítima a lhe fazer a entrega? Justifique.

QUESTÃO 3
Investigador de Polícia que conduzindo uma viatura policial causa colisão de forma não intencional, pode responder pelo crime de dano qualificado cometido contra o patrimônio público previsto no artigo 163, parágrafo único, III do Código Penal? Explique.

QUESTÃO 4
Explique a teoria do criminoso nato na classificação de Cesare Lombroso.

QUESTÃO 5
Explique as distinções básicas entre uma conduta delinquente ordinária e o ato resultante da manifestação de uma subcultura criminal.

sexta-feira, 8 de agosto de 2014

U.T.I. - Último Treinamento Intensivo

Se você está entrando em colapso nervoso por causa da proximidade da Prova Escrita de Investigador de Polícia, a solução é internar-se na nossa U.T.I. (Último Treinamento Intensivo) e submeter-se às intervenções cirúrgicas de nossos profissionais que destacarão as possíveis perguntas a serem cobradas no dia seguinte.

16 de agosto das 8h às 18h (1h de intervalo p/ almoço)


HORÁRIOS:
8h às 8:45h: Informática (Profº Rodney)
8:45h às 10:15h: Português (Profª Farid)
10:15h às 11:45h: LOP e Legislação (Profº Salvador)
11:45h às 13:15h: Criminologia (Profº Mônica)
13:15h às 14:15h: ALMOÇO
14:15h às 15:15h: Penal (Profº Victor)
15:15h às 16:15h: Constitucional/Humanos (Profº Tiago)
16:15h às 17:15h: Processo Penal (Profº Topan)
17:15h às 18h: Lógica (Profº Ângelo)

Valor: R$150 (dinheiro ou débito)
OBS.1: RESERVA de vaga só mediante pagamento antecipado.
OBS.2: Abertura do portão às 7:30h. 

sábado, 12 de julho de 2014

MÓDULOS para Prova Escrita Investigador

MATRÍCULAS ABERTAS!!!

Início das aulas: a partir do dia 21/jul.
Horários: durante a semana das 19:30h às 22:30h

- Módulo 1: Português - Prof. Farid (15 horas) - R$150

- Módulo 2: Criminologia - Prof. Mônica (9 horas) - R$100

- Módulo 3: Penal e Processo P. - Profs. Tiago S., Topan e Mauro A. (18 horas) - R$150

- Módulo 4: Humanos, Constitucional e Legislação Especial - Profs. Jaime, Tiago S. e Rafael (18 horas) - R$150

Descontos Progressivos - Matricule-se em:
2 módulos por: 2 X R$120 ou à vista R$220
- módulos por: 2 X R$160 ou à vista R$300
módulos por: 2 X R$200 ou à vista R$380

quinta-feira, 10 de julho de 2014

NOVAS TURMAS - Atendente de Necrotério e Agente de Telecomunicações

ATENDENTE DE NECROTÉRIO
- início: 17/julho (até a véspera da prova)
- horário: segunda a sexta das 19:30h às 22:30h
matérias: Biologia, Português, Direito, Criminologia, Lógica e Informática
valores:
  *alunos novos: 2 X R$185 ou à vista R$350 + R$50 de taxa de mat.
  *ex-alunos: 
2 X R$185 ou à vista R$350

domingo, 25 de maio de 2014

Provas Escritas Escrivão de Polícia 2013/2014

Prova Sorteada

LÍNGUA PORTUGUESA
1) A comunicação verbal fundamenta-se no uso das palavras. Quando essas palavras se organizam para formar o texto adquirem significações específicas: nomear seres, indicar suas características, suas qualidades, etc. De acordo com essas significações, as palavras da língua portuguesa estão agrupadas em dez classes gramaticais. Quais são estas?
2) Escreva somente as frases que devem ser craseadas.
a) O Delegado de Polícia estava indiferente as súplicas dos autuados em flagrante delito.
b) Dona Gertrudes era a mestra a quem ouvíamos prontamente.
c) Logo estaremos regressando a Brasília.
d) Estamos apegados a lei.

NOÇÕES DE DIREITO
3) Cite quatro situações em que se julgará quebrada a fiança.
4) Diferencie atos de nomeação, posse, exercício e seus respectivos prazos.

CRIMINOLOGIA
5) Quantos e quais são os objetos do estudo da criminologia?

Prova Descartada nº 1

LÍNGUA PORTUGUESA
1) Na atividade comunicativa do ser humano temos a linguagem, a língua, o signo linguístico e a fala. Discorra a cerca de cada um deles.
2) Como se divide a gramática? Explique cada uma delas.

NOÇÕES DE DIREITO
3) Quais as espécies de prisões cautelares admitidas na atividade de Polícia Judiciária?
4) Dê a diferença existente entre o crime de peculato e o crime de apropriação indébita.

CRIMINOLOGIA
5) Quais as formas de vitimização?

Prova Descartada nº 2

LÍNGUA PORTUGUESA
1) Escreva os cardinais em ordinais 80, 500, 600 e 800
2) Não havendo nenhuma palavra que exija a próclise do pronome oblíquo átono, em quais tempos verbais a linguagem culta pede a mesóclise, em especial no início de frases. Dê também um exemplo de frase mesoclítica para cada um destes tempos.

NOÇÕES DE DIREITO
3) Quais os prazos do Estatuto dos Funcionários Públicos Civis do Estado de São Paulo para determinar a incompatibilidade do servidor, primeiro demitido e segundo demitidos a bem do serviço público?
4) O que se entende por dignidade da pessoa humana?

CRIMINOLOGIA
5) Os programas de prevenção policial quando focados em determinados grupos ou setores da sociedade que ostenta o maior risco de sofrer, ou praticar crimes, são exemplos de qual programa de prevenção criminal?

terça-feira, 13 de maio de 2014

Curso Prova Escrita Investigador de Polícia


Saiu a lista dos aprovados na Prova Preambular de Investigador de Polícia, com a sua respectiva nota de corte (65 acertos). 
Corra para não ficar de fora do curso da Prova Escrita!!!

TURMAS NOTURNAS
Início: 19/maio (LOTADA)
- Próxima Turma: 26/maio (matrículas a partir do dia 16)
Horário: segunda a sexta das 19:30h às 22:30h
Carga Horária69 horas = 23 noites (1 mês em média)
DisciplinasPortuguês, Direito, Criminologia, Lógica e Informática
Valores:
novos: 2 X $375 ou à vista $720
ex-alunos: 2 X $325 ou à vista $620
* rematrículas: 2 X $270 ou à vista $510 (só para alunos que estavam na turma escrita de escrivão)

TURMA FINAL DE SEMANA
Início: 24/maio
Horário: sábados e domingos das 9h às 18:15h (menos dias 25 e 01)
Carga Horária66 horas/aula
DisciplinasPortuguês, Direito, Criminologia, Lógica e Informática
Valores:
novos: 2 X $360 ou à vista $690
ex-alunos: 2 X $310 ou à vista $590

segunda-feira, 14 de abril de 2014

Prova Investigador 2013/2014 - Resolução e Comentários

Abaixo seguem os comentários dos professores do G.O.E. das questões da prova de Investigador de Polícia realizada no dia 13/abril.
Atualizaremos a postagem conforme cada professor for nos mandando seus comentários.

Prova Investigador de Polícia 2013/2014 (versão 1)
Gabaritos

Comentários Penal - Prof. Victor Paulo (1 recurso)
Comentários Processo Penal - Prof. Topan
Comentários Português - Prof. Farid 
Comentários Lógica - Prof. Serra e Prof. Ângelo (1 recurso) 
Comentários Informática - Prof. Edson e Prof. Pedro (5 recursos)
Comentários Constitucional/Humanos - Prof. Jaime Pimentel Jr.
Comentários Legislação - Prof. Tiago Salvador, Aline e Morishita (1 recurso)
Comentários Criminologia - Prof. Mônica Gamboa (4 recursos)

NOVAS TURMAS INICIANDO!!!


- Início: 16/abril (quarta-feira)
- Horário: segunda a sexta das 19:30h às 22:30h
- Carga Horária: 66 horas = 22 noites (1 mês em média)
- Disciplinas: Português, Direito, Criminologia, Lógica e Informática
- Valores:
* novos: 2 X $360 ou à vista $690
* ex-alunos: 2 X $310 ou à vista $590

CURSO INTENSIVO FOTÓGRAFO 

Início: 16/abril (quarta-feira)
Horário: segunda a sexta das 19:30h às 22:30h
Carga Horária87 horas = 29 noites (até dia 30/maio)
DisciplinasTécnicas Áudio Visuais (10 noites),  Português (3 noites), Direito (7 noites), Criminologia (3 noites), Lógica (3 noites) e Informática (3 noites)
Valores:
novos: 2 X $390 ou à vista $750
ex-alunos: 2 X $340 ou à vista $650
rematrículas: 2 X $280 ou à vista $540 (apenas para os alunos que concluíram o curso em abril)

SÓ Técnicas Áudio Visuais30 horas
- Noites: início dia 24/abr. (VAGAS ESGOTADAS)
- Finais de Semana: início dia 26/abr.
- Valor: 2 X $170 ou à vista $320

quarta-feira, 2 de abril de 2014

U.T.I. INVESTIPOL - Último Treinamento Intensivo

LEIAM COM ATENÇÃO AS OBSERVAÇÕES ABAIXO, DESTACADAS EM AMARELO

Se você está entrando em colapso nervoso por causa da proximidade da Prova de Investigador de Polícia, a solução é internar-se na nossa U.T.I. (Último Treinamento Intensivo) e submeter-se às intervenções cirúrgicas de nossos profissionais que destacarão os possíveis temas a serem cobrados no dia seguinte.

Data: 12 de abril das 8h às 18h (1h de intervalo p/ almoço)

HORÁRIOS SALA 1:
8h às 10h: Criminologia (Profª Mônica)
10h às 11h: Legislação Especial (Profº Tiago Salvador)
11h às 12h: Lógica (Profº Serra)
12h às 13h: ALMOÇO
13h às 14h: Penal (Profº Victor)
14h às 15h: Constitucional/Humanos (Profº Tiago)
15h às 16h: Português (Profº Farid)
16h às 17h: Processo Penal (Profº Topan)
17h às 18h: Informática (Profº Edson)

HORÁRIOS SALA 2:
8h às 9h: Legislação Especial (Profº Tiago Salvador)
9h às 10h: Lógica (Profº Serra)
10h às 12h: Criminologia (Profª Mônica)
12h às 13h: Penal (Profº Victor)
13h às 14h: ALMOÇO
14h às 15h: Português (Profº Farid)
15h às 16h: Constitucional/Humanos (Profº Tiago)
16h às 17h: Informática (Profº Edson)
17h às 18h: Processo Penal (Profº Topan)

Valor: R$150 (dinheiro ou débito)
- OBS.1: Abertura do portão às 7:30h. 
OBS.2: Quem fizer o pagamento antecipado NÃO PEGA FILA.
OBS.3: A sala designada será de acordo com a ordem de chegada, ou seja, primeiro encaminharemos para a sala 1, quando lotar, encaminharemos para a sala 2. Não há a possibilidade de escolher a sala que prefere.
OBS.4: Entrada permitida até às 9h. Após esse horário somente se ainda houver vaga na sala.


VAGAS LIMITADAS!!! RESERVE A SUA SÓ POR TELEFONE (11)3826-9896 e (11)7753-5314 
das 15:00h às 22:00h 

 *Nosso horário de atendimento é de segunda à sexta das 15h às 22h e aos sábados das 10h às 17h  pelos telefones (11)3826-9896, (11)7753-5314 ou pessoalmente na R. Martim Francisco, 604 (entre o metrô Sta. Cecília e o Shopping Higienópolis).